Clínica de Fisiologia Manaus, Amazonas

Encontre clínica de fisiologia em Manaus. Conheça os profissionais especializados desta área em sua região, aproveite e leia nossos artigos com tutoriais, dicas e informações relevantes sobre este assunto.

Neivaldo Jose Nazare dos Santos
(92) 3635-2862
Rua Acre 12 - 7º Andar sala 719
Manaus, Amazonas
Especialidade
Medicina Estetica

Dados Divulgados por
Patricia de Holanda Vital
(92) 3659-3266
Av Djalma Batista 1661 - Sl 701 Medical Tower Edificio Millenium
Manaus, Amazonas
Especialidade
Nutrologia

Dados Divulgados por
Thera Kids - Reabilitação Infantil
(92) 3087-8555
Rua Rio Iça, 192- Veirialves
Manaus, Amazonas
Especialidade
Fisioterapia, Fonoaudiologia e Psicologia

CLINICA DE DIAGNÓSTICOS LABORATORIAL DR DAMIAO ARAUJO
092 33621830 - 91138999 - 91743380
RUA PARAUÁ No 107 - Br 319 kM 118 - CENTRO
CAREIRO CASTANHO, Amazonas
Especialidade
ANÁLISES CLINICAS, CITOLOGOA CLINICA, BIOQUIMICA, TOXICOLOGIA

ANDRE LUIZ CARONE
(92) 3584-2020
RUA RIO IÇA 21, QUADRA 23
MANAUS, Amazonas
Especialidade
CIRURGIA PLASTICA

Patricia de Holanda Vital
(92) 3659-3266
Av Djalma Batista 1661 - Sl 701 Medical Tower Edificio Millenium
Manaus, Amazonas
Especialidade
Nutrologia

Dados Divulgados por
Neivaldo Jose Nazare dos Santos
(92) 3635-2862
Rua Acre 12 - 7º Andar sala 719
Manaus, Amazonas
Especialidade
Medicina Estetica

Dados Divulgados por
Neurológica- Istituto de Neurodiagnoistico do Amazonas
(92) 3642-4955
Rua 7 243, P-10 , Manaus-Amazonas
Manaus, Amazonas
Especialidade
Neurologia e Neurofisiologia

MEDINUTRI - Consultório médico e nutricional
(92) 3238-5700
Rua Cinco, 374 - Alvorada 2- Altos
Manaus, Amazonas
Especialidade
Endocrinologia

FISIOCENTER - CLÍNICA DE FISIOTERAPIA
(92) 3622-5839
Rua João Valério nº 53 São Geraldo
Manaus, Amazonas
Especialidade
FISIOTERAPIA

Dados Divulgados por

Clínica de Fisiologia

Fornecido por: 

Pesquisa de doutorado realizada pelo biólogo Alexandre César Santos de Rezende, do Departamento de Fisiologia e Biofísica do Instituto de Biologia (IB) da Unicamp, concluiu que a droga TAT-CNTF possui um potencial muito grande para uso em tratamento de doenças neurodegenerativas que afetam motoneurônios, neurônios sensitivos e neurotraumas. A principal vantagem dessa droga alternativa, produzida a partir da combinação entre o fator neurotrófico ciliar (CNTF) e uma sequência de aminoácidos extraídos de uma proteína do vírus HIV-1, está associada à não-ocorrência dos efeitos colaterais que foram verificados durante tratamento apenas com o CNTF.

Ainda que a utilização de ambas as drogas seja eficaz na sobrevivência neuronal, ficou provado que o CNTF – já ministrado em pacientes no tratamento da esclerose lateral amiotrófica – causa anorexia e caquexia, o que significa uma perda significativa de gordura no corpo, tanto em testes feitos com animais como em tratamento de seres humanos. Já a TAT-CNTF funcionou como um fator neurotrófico, ou seja, uma substância protetora sem os efeitos colaterais do CNTF. A pesquisa, realizada com animais de laboratório recém-nascidos, com dois dias de vida, abre grandes perspectivas para o combate de doenças como Parkinson, esclerose lateral amiotrófica e esclerose múltipla.

Desenvolvida em 2001 pelo pro­fessor Alessandro Negro, da Universidade de Pádua (Itália), a droga nunca havia sido testada nessas condições. “A sequência TAT é um domínio de translocação de proteína, o qual permite que a proteína ligada a ele atravesse membranas biológicas”, explicou Rezende. Isso foi observado por Negro durante experimento utilizando cultura de células ovarianas de hamster, tratadas com a TAT-CNTF. Quando ele realizou a análise imunoistoquímica – exames laboratoriais capazes de detectar alterações moleculares –, para ver a localização intracelular, percebeu que a TAT estava no núcleo dessas células, levando consigo o CNTF. Ela foi oferecida para testes ao orientador de Rezende, professor Francesco Langone, falecido em maio passado.

Os primeiros resultados foram obtidos ainda durante o trabalho de mestrado, no início de 2003. A secção do nervo ciático de ratos com dois dias de vida provoca a morte de um número considerável de motoneurônios da região lombar da medula espinal. Trata-se, segundo Rezende, de um excelente modelo de lesão, capaz de verificar se o tratamento com um fator pro...

Clique aqui para ler este artigo em Saude em Movimento

Termos e Condições | Política de Privacidade
Fonte do texto: Saúde em Movimento
Banco de dados de médicos e clínicas: Doctoralia
Obs.: Se seu nome aparece no nosso cadastro e deseja que o tiremos, favor entrar em contato com support@nsphere.net