Clínica de Fonoterapia Angra dos Reis, Rio de Janeiro

Encontre clínica de fonoterapia em Angra dos Reis. Conheça os profissionais especializados desta área em sua região, aproveite e leia nossos artigos com tutoriais, dicas e informações relevantes sobre este assunto.

Clarisse de Oliveira Waldstein de Moura
(21) 2622-2563
R Mem de Sa 19 - Sl. 1005
Niteroi, Rio de Janeiro
Especialidade
Nutrologia

Dados Divulgados por
Gerson Carakushansky
(21) 2547-6838
Av. N. S. de Copacabana 500 - Conj. 611
Rio de Janeiro, Rio de Janeiro
Especialidade
Genética Médica

Dados Divulgados por
Arquimedes Lima
(22) 2665-1709
Rua Oscar Clark 151 - L 4
Araruama, Rio de Janeiro
Especialidade
Medicina Intensiva

Dados Divulgados por
Asilo da Velhice Desamparada
(22) 2772-7442
Rua Luis Belegard 540
Macae, Rio de Janeiro
Especialidade
Medicina Nuclear

Dados Divulgados por
Francisco Eduardo Sampaio Fagundes
(21) 2286-4242
Rua General Polidoro 192
Rio de Janeiro, Rio de Janeiro
Especialidade
Medicina Intensiva

Dados Divulgados por
Larissa Correa Prieto
Est. Francisco da Cruz Nunes 5803
Niteroi, Rio de Janeiro
Especialidade
Medicina Intensiva

Dados Divulgados por
Rosely Veneu Pinheiro
(21) 2234-7517
R Carmela Dutra 96
Rio de Janeiro, Rio de Janeiro
Especialidade
Nutrologia

Dados Divulgados por
Bronstein Med Diag Botafogo
(21) 2227-8080
Av Presidente Kennedy 1189 - Lj C
Duque de Caxias, Rio de Janeiro
Especialidade
Genética Médica

Dados Divulgados por
Alvaro Henrique Braga
257-6111
R. Br. de S. Francisco 373 - 301
Rio de Janeiro, Rio de Janeiro
Especialidade
Patologia Clínica/Medicina Laboratorial

Dados Divulgados por
Edson Bento Nascimento da Silva
(21) 2423-6079
Av. Nelson Cardoso 1149 - Sala 1519
Rio de Janeiro, Rio de Janeiro
Especialidade
Medicina do Trabalho

Dados Divulgados por
Dados Divulgados por

Clínica de Fonoterapia

Fornecido por: 

Presbifonia é o nome que se dá ao processo de envelhecimento da voz. Como todas as funções do organismo, a voz também envelhece, com perda de força, velocidade, estabilidade e precisão articulatória. Ocorre atrofia e arqueamento das pregas vocais e a musculatura da laringe fica mais flácida, o que torna a voz trêmula, rouca, soprosa, com pouca projeção. Este processo pode começar já a partir dos 50 ou 55 anos de idade, acentuando-se mais à frente, dependendo do histórico de vida do indivíduo.

É comum a pessoa na terceira idade apresentar uma deficiência auditiva associada à dificuldade de falar. Por conta dessas limitações, vemos sérios problemas de comunicação entre marido e mulher nessa faixa etária – e deles com a sociedade. Entretanto, as mudanças na voz não são exclusivas do envelhecimento: certas doenças neurológicas, como o mal de Parkinson, também levam à degeneração da qualidade vocal”, observa o professor Agrício Crespo, chefe da Disciplina de Otorrinolaringologia da Faculdade de Ciências Médicas (FCM) da Unicamp.

Segundo Agrício Crespo, o que muitos ainda ignoram é que existem recursos técnicos para recuperar a qualidade e a vitalidade davoz dos idosos, potencializando seus timbres sonoros. “O paciente procura o médico quando está ouvindo mal, mas não quando está falando mal; julga que o problema com a voz é normal e irremediável na velhice. A própria classe médica não está tão consciente de que a voz também pode ser melhorada. O médico, que examina o aparelho auditivo do paciente, raramente atenta para a fonação”.

A fonoterapia é um dos recursos contra a presbifonia utilizados no Ambulatório de Otorrinolaringologia do Hospital das Clínicas (HC) da Unicamp, através de um método de exercícios desenvolvido originalmente para tratamento de pacientes com Parkinson. “Os exercícios trabalham a coordenação motora da boca e da laringe, numa calibração sensorial para aumentar a velocidade, a altura e a força de projeção da voz. É como se o idoso passasse por uma reprogramação, reaprendendo a se comunicar em outro patamar”.

O professor da FCM explica que este tratamento dura quatro semanas, com exercícios de repetição diários e intensivos, e vem trazendo resultados altamente satisfatórios. A propósito, ele mostrou a gravação do cantar...

Clique aqui para ler este artigo em Saude em Movimento

Termos e Condições | Política de Privacidade
Fonte do texto: Saúde em Movimento
Banco de dados de médicos e clínicas: Doctoralia
Obs.: Se seu nome aparece no nosso cadastro e deseja que o tiremos, favor entrar em contato com support@nsphere.net