Clínica de Neuropsicologia Patos de Minas, Minas Gerais

Encontre clínica de neuropsicologia em Patos de Minas. Conheça os profissionais especializados desta área em sua região, aproveite e leia nossos artigos com tutoriais, dicas e informações relevantes sobre este assunto.

Centro de Psicologia Transpessoal de Minas Gerais
(34) 3336-7163
av Leopoldino de Oliveira, 4113, Sl 416, Centro
Uberaba, Minas Gerais

Dados Divulgados por
Janaína R Alves
(33) 3278-1510
r D Pedro II, 541 s 206, Centro
Governador Valadares, Minas Gerais

Dados Divulgados por
ESMEP-Empresa de Seleção Med Psicológica Ltda
(38) 3221-5486
r D Pedro II, 819, Centro
Montes Claros, Minas Gerais

Dados Divulgados por
Consultório de Psicologia e Fonoaudiologia
(31) 3390-2856
r Inglaterra, 681 s 104, Glória
Contagem, Minas Gerais

Dados Divulgados por
Clínica de Psicologia Reforço Positivo
(31) 3824-3718
r Ponte Nova, 149 ap 106, Centro
Ipatinga, Minas Gerais

Dados Divulgados por
Apsi Empresa Junior de Psicologia
(32) 3214-4464
r Santos Dumont, 214, Centro
Juiz de Fora, Minas Gerais

Dados Divulgados por
Maxleny Silva - Psicóloga
(38) 3082-0854
r Dr Santos, 362 Sl 401, Centro
Montes Claros, Minas Gerais

Dados Divulgados por
clinica de psicologia hipnose regressão
031 38313365
r. agua santa 414 sala 208
itabira, Minas Gerais
 
Sônia Maria de Melo
(31) 3532-3318
r Nicolau Alves Melo, 13 s 106, Centro
Betim, Minas Gerais

Dados Divulgados por
Clínica de Psicologia Dra Lucilene Silveira
(31) 3821-7266
r Jequitibá, 568, Horto
Ipatinga, Minas Gerais

Dados Divulgados por
Dados Divulgados por

Clínica de Neuropsicologia

Fornecido por: 

Até pouco tempo atrás, pacientes com algum tipo de lesão cerebral estavam destinados a ficar na cama. Achava-se que pelo fato de os neurônios estarem lesados as seqüelas seriam irreversíveis. Felizmente esse conceito vem mudando. 

E isso está acontecendo porque o cérebro também passou a receber atenção psicológica, muito em função do desenvolvimento de uma nova área da ciência batizada de neuropsicologia.

Um dos objetivos da especialidade é ajudar o doente a criar alternativas para driblar as limitações impostas pelas seqüelas. "Se a pessoa perdeu a memória, a orientamos a usar uma agenda para anotar os acontecimentos", exemplifica a neuropsicóloga Lúcia Willadino Braga, do Hospital Rede Sarah, em Brasília.

Dessa maneira, torna-se possível para o doente levar uma vida normal e, melhor ainda, com qualidade. Pela importância que vem adquirindo no tratamento dos doentes, essa abordagem foi o tema central da 1ª Conferência Internacional sobre Lesão Cerebral, realizada na semana passada no hospital brasiliense.
Cientistas se reuniram para discutir as melhores maneiras de estimular rapidamente e com eficácia a reabilitação, principalmente a de vítimas de acidente vascular cerebral (avc), conhecido como derrame, traumatismo craniano e paralisia cerebral.

As seqüelas vão aparecer de acordo com a área afetada e incluem conseqüências difíceis como perda da coordenação motora, da fala e da capacidade de leitura, entre outras.

Um dos estudos apresentados mostrou como é importante a participação da família no processo de recuperação psicológica dessas vítimas. Nos últimos seis anos, o pesquisador Gerárd Deloche, da Universidade de Reims Champagne Ardene, na França, vem analisando o comportamento dos pacientes depois do trauma. "Aqueles que têm uma relação afetiva boa com os parentes conseguem superar mais facilmente as doenças e ter uma qualidade de vida melhor", conta Deloche. Outro trabalho que salienta como a família tem papel fundamental na reabilitação foi realizado pela neuropsicóloga Lúcia. Ela comparou o desenvolvimento motor e a inteligência de dois grupos, cada um composto por 90 crianças com lesões no cérebro. O primeiro recebeu fisioterapia dos médicos e o outro foi tratado pela família, obviamente orientada pelos profissionais para aplicar os exercícios nos filhos. "Quem fez o tratamento com os pais melhorou em média 50% a mais a coo...

Clique aqui para ler este artigo em Saude em Movimento

Termos e Condições | Política de Privacidade
Fonte do texto: Saúde em Movimento
Banco de dados de médicos e clínicas: Doctoralia
Obs.: Se seu nome aparece no nosso cadastro e deseja que o tiremos, favor entrar em contato com support@nsphere.net