Clínica de Obesos Luziânia, Goiás

Conheça clínica de obesos em Luziânia. Conheça os profissionais especializados desta área em sua região, aproveite e leia nossos artigos com tutoriais, dicas e informações relevantes sobre este assunto.

Academia Energia Aquática
(62) 3093-6564
av Boulevard C Arcos, 335 Qd 29 Lt 2, Goiânia 2
Goiania, Goiás

Dados Divulgados por
Estância MM
(62) 3282-0155
r Goiás, s/n Qd A Lts 01/12, Ns de Lourdes
Aparecida de Goiânia, Goiás

Dados Divulgados por
Academia Flex
(62) 3515-0588
av T 4 Q 124, s/n lt 15E s 311 an 3, Setor Bueno
Goiania, Goiás

Dados Divulgados por
Leandro Rodrigues Personal Trainer
(62) 9181-7740
Rua: Celso M. Pereira Q 48 Lt18 São Carlos
Anápolis , Goiás
 
Academia Boa Forma
(62) 3261-4067
r 227 Q 44, s/n lt 18, Setor Leste Vila Nova
Goiania, Goiás

Dados Divulgados por
Ciclo Universo
(62) 3282-1609
r Aruanã Q 9, s/n lt 18 s 2, Jd Bela Vista
Aparecida de Goiânia, Goiás

Dados Divulgados por
Academia Agos
(62) 3225-3446
av Pires Fernandes Q 42a, 455 lt 8 an 3O. A, Setor Aeroporto
Goiania, Goiás

Dados Divulgados por
Academia Atlanta Fitness
(62) 3223-6656
av Goiás, 1641 QD 128 LT 169, Setor Central
Goiania, Goiás

Dados Divulgados por
Academia Banzai
(62) 3251-4025
av Portugal, 628, Setor Oeste
Goiania, Goiás

Dados Divulgados por
Academia Estrela da Manhã Estética Corporal
(62) 3211-4080
av 1 de Maio Qd 4, 340 lt 11, Vila São Luiz
Goiania, Goiás

Dados Divulgados por
Dados Divulgados por

Clínica de Obesos

Fornecido por: 

O cardiologista José Luiz Ferreira dos Santos mapeou todo o ventrículo esquerdo do coração de 140 indivíduos, obesos e não obesos, e detectou alterações diastólicas em parte do músculo de uma porcentagem de pessoas que apresentavam apenas obesidade, sem qualquer outra doença associada. A pesquisa aumenta o leque de possibilidades de estabelecer a relação entre problemas cardíacos e pessoas acima do peso. Sabendo-se que a obesidade pode evoluir para insuficiência cardíaca, a pesquisa abre uma nova janela de discussão. Segundo Santos, a questão a ser respondida é se as alterações diastólicas identificadas são possíveis marcadores para um futuro quadro de insuficiência cardíaca em obesos.
Abre-se outra janela no debate sobre obesidade e insuficiência cardíaca

A pesquisa inédita foi realizada na Faculdade de Ciências Médicas, com voluntários da cidade de Leme (SP) em diferentes estágios de obesidade e sem hipertensão. Os resultados surpreenderam o cardiologista, cuja idéia inicial era investigar a influência da obesidade sobre o comportamento sistólico e diastólico em cada segmento do miocárdio ventricular esquerdo em adultos. Ao encontrar as alterações, adotou outras abordagens, sob orientação do professor Otávio Rizzi Coelho. Dividindo os voluntários em sete grupos distintos, procedeu a avaliação através da técnica denominada Doppler Pulsado Tecidual, obtendo cerca 6.400 índices alocados em tabelas sobre o comportamento do ventrículo esquerdo em cada um dos segmentos.

José Luiz Ferreira dos Santos explica que decidiu estudar o ventrículo esquerdo porque esta câmara está sujeita a maior influência da obesidade. "Há uma sobrecarga do lado esquerdo por conta do aumento de volume sangüíneo e, portanto, maior impacto", esclarece. Um estudo prospectivo, que acompanhe os indivíduos obesos que apresentaram as alterações no ventrículo, é fundamental para avaliação dos resultados ...

Clique aqui para ler este artigo em Saude em Movimento

Termos e Condições | Política de Privacidade
Fonte do texto: Saúde em Movimento
Banco de dados de médicos e clínicas: Doctoralia
Obs.: Se seu nome aparece no nosso cadastro e deseja que o tiremos, favor entrar em contato com support@nsphere.net