Clínica de Quimeoterapia São Leopoldo, Rio Grande do Sul

Encontre clínica de quimeoterapia em São Leopoldo. Conheça os profissionais especializados desta área em sua região, aproveite e leia nossos artigos com tutoriais, dicas e informações relevantes sobre este assunto.

Maximo Mario Bulla
(51) 592-6600
Conceicao 679
Sao Leopoldo, Rio Grande do Sul
Especialidade
Clínica Médica

Dados Divulgados por
Edgar Thorell
513-5921
R Bento Goncalves 806 - Sl. 503
Sao Leopoldo, Rio Grande do Sul
Especialidade
Clínica Médica

Dados Divulgados por
Maria Ines Plentz
(51) 592-4542
R Primeiro de Marco 113 - Sl. 805
Sao Leopoldo, Rio Grande do Sul
Especialidade
Clínica Médica

Dados Divulgados por
Joao Carlos Vieira Benjamin
(51) 592-1710
R Osvaldo Aranha 520
Sao Leopoldo, Rio Grande do Sul
Especialidade
Clínica Médica

Dados Divulgados por
Gilmar Antonio Tolotti
(49) 3442-4903
Rua Getulio Vargas 500 - Sala 201
Concordia, Santa Catarina
Especialidade
Clínica Médica

Dados Divulgados por
Jane Raquel Linn
(51) 592-9571
Bento Goncalves 674
Sao Leopoldo, Rio Grande do Sul
Especialidade
Clínica Médica

Dados Divulgados por
Luis Claudio Fronza
(47) 3521-1349
Rua Humaita 19 - 2 Andar
Rio Do Sul, Santa Catarina
Especialidade
Clínica Médica

Dados Divulgados por
Giovani Machado de Oliveira
(51) 592-5040
Rua Primeiro de Marco 113 - Sl 304
Sao Leopoldo, Rio Grande do Sul
Especialidade
Clínica Médica

Dados Divulgados por
Hermenegildo de Assis Brasil Carvalho
(51) 3592-6093
Rua Independencia 181 - Sl. 503
Sao Leopoldo, Rio Grande do Sul
Especialidade
Clínica Médica

Dados Divulgados por
Sergio Luiz Garcia de Macedo
543-3313
Av Patria 735
Carazinho, Rio Grande do Sul
Especialidade
Clínica Médica

Dados Divulgados por
Dados Divulgados por

Clínica de Quimeoterapia

Fornecido por: 

A combinação de medicamentos utilizados no controle do diabetes e no combate ao câncer vem apresentando resultados preliminares bastante promissores em pesquisas de laboratório realizadas pelo grupo do professor José Barreto Campello Carvalheira, na Faculdade de Ciências Médicas (FCM) da Unicamp. Os experimentos em cultura de células e em animais apontam para uma redução da massa tumoral e potencialização do efeito de alguns quimioterápicos contra a sua proliferação, praticamente zerando o crescimento.

A equipe de Carvalheira segue um itinerário difícil de memorizar: é a via de sinalização intracelular IRS/PI3K/Akt/mTOR, usada pela insulina para metabolizar a glicose e que serve, também, como uma das principais vias para proliferação de neoplasias. “Iniciei o trabalho com a insulina no meu mestrado, quando ninguém dava atenção para esta relação. De uns tempos para cá, sinto-me atropelado pelo interesse de tantos pesquisadores nessa via de sinalização”, diz o docente do Departamento de Clínica Médica.

Na verdade, o trabalho de José Barreto Carvalheira está no mínimo em concomitância com as pesquisas sobre transmissão do sinal intracelular intensificadas na última década, quando se constatou que essas vias são radicalmente alteradas no câncer humano, o que levou à busca de inibidores específicos das mesmas. “Esta linha de pesquisa começou na diabetologia e progrediu para a oncologia, sendo que nesse caminho buscamos uma estratégia que está no meio das duas especialidades”.

O pesquisador da Unicamp afirma que seu grupo conseguiu abordagens importantes para o tratamento de cânceres recorrendo ao bloqueio da via de sinalização da insulina, mediante associação de quimioterápicos já bastante utilizados. “A estratégia foi potencializar os medicamentos. Observamos que a associação traz uma resposta maior em comparação com o uso isolado do quimioterápico, não só detendo a proliferação como aumentando a morte das células tumorais”.

Rede complexa

Para que compreendamos melhor o tema, os pesquisadores atentam para a complexidade do desenvolvimento e crescimento de organismos. Esta complexidade pode ser atribuída em parte a interações dinâmicas e diversas entre hormônios, fatores de crescimento, contatos entre células e outros estímulos externos que coordenam o destino de cada célula através de seus receptores de membrana.

...

Clique aqui para ler este artigo em Saude em Movimento

Termos e Condições | Política de Privacidade
Fonte do texto: Saúde em Movimento
Banco de dados de médicos e clínicas: Doctoralia
Obs.: Se seu nome aparece no nosso cadastro e deseja que o tiremos, favor entrar em contato com support@nsphere.net