Clínica do Câncer Arapiraca, Alagoas

Encontre clínica do câncer em Arapiraca. Conheça os profissionais especializados desta área em sua região, aproveite e leia nossos artigos com tutoriais, dicas e informações relevantes sobre este assunto.

Marlon Roberio Goncalves Fernandes
(08) 2521-2566
Rua Sao Francisco 470
Arapiraca, Alagoas
Especialidade
Patologia Clínica/Medicina Laboratorial

Dados Divulgados por
Otavio Cristiano Leite Cavalcante
(82) 3337-3191
Rua José Freire Moura 235 - 104
Maceio, Alagoas
Especialidade
Medicina de Família e Comunidade

Dados Divulgados por
Thais de Paiva Torres Cardoso
(82) 3336-5957
R Goncalves Dias 207
Maceio, Alagoas
Especialidade
Nutrologia

Dados Divulgados por
Lucia Coelho Xavier
822-1217
Av Comendador Gustavo Paiva 2990 - Centro Medico Iguatemi
Maceio, Alagoas
Especialidade
Nutrologia

Dados Divulgados por
Adeisa Maria Toledo Lyra
(82) 3305-5025
Av Governador Osman Loureiro 49 - Sala 309Centro Empres. Bussiness Tower
Maceio, Alagoas
Especialidade
Medicina do Trabalho

Dados Divulgados por
Vivianne Rocha de Santa Rosa
(82) 3355-8012
R Artur Bulhoes 93
Maceio, Alagoas
Especialidade
Nutrologia

Dados Divulgados por
Marshal Italo Barros Fontes
Rua Prof. Silveira Camerino 1065
Maceio, Alagoas
Especialidade
Genética Médica

Dados Divulgados por
Marlon Roberio Goncalves Fernandes
(08) 2521-2566
Rua Sao Francisco 470
Arapiraca, Alagoas
Especialidade
Patologia Clínica/Medicina Laboratorial

Dados Divulgados por
João Manoel Veras Vieira
(82) 3377-1911
Av. João Davino 799
Maceio, Alagoas
Especialidade
Patologia Clínica/Medicina Laboratorial

Dados Divulgados por
Martins Pinto
(08) 2221-9311
Rua Buarque de Macedo 576
Maceio, Alagoas
Especialidade
Patologia Clínica/Medicina Laboratorial

Dados Divulgados por
Dados Divulgados por

Clínica do Câncer

Fornecido por: 

Uma nova vacina contra o câncer de cólon e de reto, criada a partir da engenharia genética, tem-se revelado promissora nos primeiros testes clínicos com humanos, revelaram na segunda-feira pesquisadores norte-americanos durante o trigésimo sétimo congresso anual da American Society of Clinical Oncology , Asco, em San Francisco.  

O estudo, realizado por uma equipe chefiada pelo dr. Lawrence Fong, da Universidade de Stanford, abrangeu 12 pacientes com câncer de cólon ou reto em fase terminal.

Para criar a vacina, os pesquisadores injetaram nos pacientes a substância FLT-3, que multiplica o número de células dendríticas produzidas normalmente pelo organismo.

As células dendríticas, que são muito raras, têm a função essencial de indicar às células do sistema imunológico quais alvos devem atacar.

Em seguida, os pesquisadores retiraram algumas células dendríticas dos pacientes para modificá-las injetando a proteína CEA, encontrada em altos níveis nas células cancerosas.

Os pesquisadores também modificaram ligeiramente a proteína CEA para que fosse mais facilmente identificada pelas células do sistema imunológico.

Como resultado, essas células dendríticas "carregadas" de CEA modificada provocaram uma forte resposta imunológica contra a CEA contida nas células cancerosas.

Dos 12 pacientes testados, quatro mostraram claros sinas de progressos clínicos e em dois o tumor desapareceu...

Clique aqui para ler este artigo em Saude em Movimento

Termos e Condições | Política de Privacidade
Fonte do texto: Saúde em Movimento
Banco de dados de médicos e clínicas: Doctoralia
Obs.: Se seu nome aparece no nosso cadastro e deseja que o tiremos, favor entrar em contato com support@nsphere.net