Câncer de colo-retal Campo Grande, Mato Grosso do Sul

Dietas com alto conteúdo de gordura, obesidade e sedentarismo, são alguns fatores de risco do câncer de colo-retal destacados pelo autor. Conheça os sintomas da doença e a forma de diagnóstico. Confira também os métodos de tratamento. Consulte a lista de especialistas da área, em Campo Grande.

Jose Alves Pereira
(67) 3321-0562
R Antonio Maria Coelho 3118
Campo Grande, Mato Grosso do Sul
Especialidade
Gastroenterologia

Dados Divulgados por
Jesus Nunes da Cunha
(67) 3384-5300
Rua Vinte e Cinco de Dezembro 714
Campo Grande, Mato Grosso do Sul
Especialidade
Gastroenterologia

Dados Divulgados por
Synesio de Oliveira Borges
(67) 3383-3113
Barão do Rio Branco 55
Campo Grande, Mato Grosso do Sul
Especialidade
Gastroenterologia

Dados Divulgados por
Jorge Barreto Allgayer
R Abrao Julio Rahe 1440
Campo Grande, Mato Grosso do Sul
Especialidade
Gastroenterologia

Dados Divulgados por
Nilton Fernandes Brustoloni
Rua Antonio Maria Coelho 2196
Campo Grande, Mato Grosso do Sul
Especialidade
Gastroenterologia

Dados Divulgados por
Roberto Alberto Nachif
(67) 724-3707
Rua Euclides da Cunha 17 - Ate 227/0228
Campo Grande, Mato Grosso do Sul
Especialidade
Gastroenterologia

Dados Divulgados por
Nelson Heber Medina
(67) 3325-5288
Rua Pedro Celestino 2380
Campo Grande, Mato Grosso do Sul
Especialidade
Gastroenterologia

Dados Divulgados por
Antonio Oliveira Rodrigues
(67) 3321-0562
R Antonio Maria Coelho 3118
Campo Grande, Mato Grosso do Sul
Especialidade
Gastroenterologia

Dados Divulgados por
James Camara Andrade
3324-2061
Rua Sao Paulo 68
Campo Grande, Mato Grosso do Sul
Especialidade
Gastroenterologia

Dados Divulgados por
Carlos Henrique Marques dos Santos
(67) 3384-7200
Rua Abrao Julio Rahe 857
Campo Grande, Mato Grosso do Sul
Especialidade
Gastroenterologia

Dados Divulgados por
Dados Divulgados por

Câncer de colo-retal

Fornecido por: 

O câncer colo-retal abrange tumores que atingem o cólon (intestino grosso) e o reto. Tanto homens como mulheres são igualmente afetados, sendo uma doença tratável e freqüentemente curável quando localizada no intestino.


Epidemiologia






O câncer colo-retal é a terceira causa mais comum de morte por câncer, no Brasil.



Possui maior incidência na faixa etária entre 50 e 70 anos, mas as possibilidades de desenvolvimento já aumentam a partir dos 40 anos.



Segundo as Estimativas de Incidência e Mortalidade por Câncer no Brasil, publicadas pelo INCA, o número de casos novos previstos para o ano 2001 é de 7.795 entre homens e de 8.370 entre mulheres. Os óbitos esperados para o mesmo ano, entre homens e mulheres são, respectivamente, 3.355 e 3.875. A incidência de casos novos entre mulheres é de 9,65 para 100.000 habitantes, e entre os homens é de 9,31 para 100.000 habitantes. A mortalidade por câncer de cólon e reto pode ser controlada por meio de estratégias de detecção e tratamento precoces.



Fatores de Risco



Os principais fatores de risco são: dieta com alto conteúdo de gordura, carne e baixo teor de cálcio; obesidade e sedentarismo...

Continue sua leitura em Saúde e Movimento




Termos e Condições | Política de Privacidade
Fonte do texto: Saúde em Movimento
Banco de dados de médicos e clínicas: Doctoralia
Obs.: Se seu nome aparece no nosso cadastro e deseja que o tiremos, favor entrar em contato com support@nsphere.net