Oncologia Alegrete, Rio Grande do Sul

Encontre oncologia em Alegrete. Conheça os profissionais especializados desta área em sua região, aproveite e leia nossos artigos com tutoriais, dicas e informações relevantes sobre este assunto.

Suzana dos Santos
(51) 3226-5947
Professor Annes Dias 154 - 601
Porto Alegre, Rio Grande do Sul
Especialidade
Medicina Intensiva

Dados Divulgados por
Fonoaudióloga Sintia Schio
(54) 3453-2581
Rua São Paulo 60
Bento Goncalves, Rio Grande do Sul
Especialidade
Foniatria

Dados Divulgados por
Valerie Noronha Menezes Kreutz
(51) 3222-9277
Padre Chagas 147 - Sala 504
Porto Alegre, Rio Grande do Sul
Especialidade
Medicina Estetica

Dados Divulgados por
Valerie Noronha Menezes Kreutz
051 36010723
rua bento gonçalves 1049
Osorio, Rio Grande do Sul
Especialidade
Medicina Estetica

Dados Divulgados por
Alexandre Guedes Marcolla
513-2275
R Andradasdos 1711 - Sl. 204
Porto Alegre, Rio Grande do Sul
Especialidade
Medicina do Trabalho

Dados Divulgados por
Claudete Mariza Dias Correa
(53) 222-1806
Rua Anchieta 2293
Pelotas, Rio Grande do Sul
Especialidade
Patologia

Dados Divulgados por
Vaniza Kloeckner Farias
(54) 313-2307
Tiradentes 420 - Sala 1
Passo Fundo, Rio Grande do Sul
Especialidade
Patologia Clínica/Medicina Laboratorial

Dados Divulgados por
Marilene Lucas Oliveira Bicca
(53) 3222-7398
Rua Anchieta 2396
Pelotas, Rio Grande do Sul
Especialidade
Patologia

Dados Divulgados por
Flávio Dias Silva
(51) 3341-0100
Av. Andaraí 130
Porto Alegre, Rio Grande do Sul
Especialidade
Medicina de Família e Comunidade

Dados Divulgados por
Melissa Marcanzoni Bortolotto
(51) 3486-1291
Papa João Xxiii 28
Gravatai, Rio Grande do Sul
Especialidade
Medicina de Família e Comunidade

Dados Divulgados por
Dados Divulgados por

Oncologia

Fornecido por: 

Pesquisadores do centro de Investigação Prospectiva sobre o Câncer e a Nutrição da Europa (Epic) afirmaram esta semana que encontraram novos indícios de que o consumo de carne vermelha pode provocar câncer no intestino.

O estudo é o maior já feito sobre o assunto e investigou os hábitos alimentares de meio milhão de pessoas européias ao longo de uma década. O resultado é que os pesquisados que comiam mais de duas porções de 80 gramas de carne vermelha por dia, tinham 35% mais chances de desenvolver o mal do que aqueles que ingeriam apenas uma porção de 80 gramas por semana.

O perigo está em todos produtos que contenham carnes vermelhas, como a bovina, caprina e suína, além dos derivados, como o bacon e o presunto. Eles são potencializadores de câncer no intestino, de acordo com a pesquisa publicada esta semana na Revista do Instituto Internacional do Câncer.

Entretanto, é preciso ressaltar que as pessoas que ingerem muitas fibras por meio de alimentos como verduras, frutas e cereais, estão menos sujeitas a este tipo de câncer. O consumo de peixe também diminui o risco de desenvolver o mal.

Texto: Cassiano Sampaio
Fonte: Redação Saúde em Movimento

Data da Publicação: 19/06/2005

Clique aqui para ler este artigo em Saude em Movimento

Termos e Condições | Política de Privacidade
Fonte do texto: Saúde em Movimento
Banco de dados de médicos e clínicas: Doctoralia
Obs.: Se seu nome aparece no nosso cadastro e deseja que o tiremos, favor entrar em contato com support@nsphere.net