Tratamento de Hipoglicemia Crato, Ceará

Encontre tratamento de hipoglicemia em Crato. Conheça os profissionais especializados desta área em sua região, aproveite e leia nossos artigos com tutoriais, dicas e informações relevantes sobre este assunto.

Jorge Cambraia Filho
(085) 4011-5582
Av. Dom Luis 1200 - Torre Business (Sala 1311)
Fortaleza, Ceará
Especialidade
Medicina Estetica

Dados Divulgados por
Maria do Socorro Silveira Magalhaes
Rua Pe Luis Figueira 550
Fortaleza, Ceará
Especialidade
Patologia

Dados Divulgados por
Raimundo Renan Goncalves Ribeiro
3212-0369
Av Imperador 162
Fortaleza, Ceará
Especialidade
Medicina do Trabalho

Dados Divulgados por
Maria Roseli M Callado
3261-7938
Av Desembargador Moreira 2120
Fortaleza, Ceará
Especialidade
Patologia

Dados Divulgados por
Heloisa Beatriz de Holanda
3271-2091
R Doutor Jose Furtado 1660
Fortaleza, Ceará
Especialidade
Patologia Clínica/Medicina Laboratorial

Dados Divulgados por
Jose Roosevelt Cavalcante
3261-2670
Av Sen. Virgilio Tavora 1901
Fortaleza, Ceará
Especialidade
Patologia Clínica/Medicina Laboratorial

Dados Divulgados por
Dalgimar Beserra de Menezes
3231-9075
R Joao Cordeiro 1656
Fortaleza, Ceará
Especialidade
Patologia

Dados Divulgados por
Francisco Jose Nunes Candido
3261-7557
R Coronel Linhares 950
Fortaleza, Ceará
Especialidade
Medicina do Trabalho

Dados Divulgados por
Denise Nunes Oliveira
3088-2440
R Nunes Valente 2105
Fortaleza, Ceará
Especialidade
Patologia

Dados Divulgados por
Dary Alves Oliveira
3272-8054
Av Rui Barbosa 3275
Fortaleza, Ceará
Especialidade
Nutrologia

Dados Divulgados por
Dados Divulgados por

Tratamento de Hipoglicemia

Fornecido por: 

Hipoglicemia

DEFINIÇÃO

Hipoglicemia é a concentração da glicose sangüínea abaixo do nível normal de 3,3 a 6,3 mmol/L (60 a 115 mg/dL). Os sintomas são prováveis quando a concentração de glicose no sangue cai abaixo de 2,5 mmol/L (45 mg/dL).


CAUSAS TÓXICAS

Comuns

  • Etanol
  • Insulina
  • Sulfoniluréias e drogas hipoglicemiantes relacionadas∗

    Acetohexamida
    Clorpropamida
    Glibenclamida
    Glibomurida
    Gliclasida
    Glipisida
    Gliquidona
    Glisentida
    Glisolamida
    Glisoxapida
    Gliburida
    Glibuzole
    Glicopiramida
    Gliciclamida
    Glimidina
    Tolasamida
    Tolbutamida

Incomuns

  • Fruto Ackee (Fruto da Jamaica - emético)
  • Alcoois (isopropil, metanol)
  • Bloqueadores Beta-adrenérgicos
  • Cocaína
  • Disopiramida
  • Etionamida
  • Haloperidol
  • Medicamentos a base de ervas/ plantas (vários)
  • Mebanazina (inibidor Mão)
  • Opióides
  • Orfenadrina
  • Oxitetraciclina
  • Pentamidina
  • Perhexilina
  • Vacina contra Coqueluche
  • Propoxifeno
  • Quinino
  • Ritodrina
  • Salicilatos
  • Sulfonamidas
  • Vacor (PNU) - efeito transitório

∗ Biguanidas orais (metilformina, fenformina) podem causar acidose láctica severa mas normalmente não causam hipoglicemia grave.


CAUSAS NÃO TÓXICAS

  • Doenças Endócrinas
  • Falência hepática
  • Insulinoma
  • Desnutrição


MANIFESTAÇÕES CLÍNICAS

As manifestações clínicas da hipoglicemia são muito variadas e é importante considerar este diagnóstico em todo paciente com alteração do nível de consciência. Pacientes com hipoglicemia leve podem estar agitados ou confusos, enquanto aqueles com hipoglicemia grave podem apresentar coma profundo ou convulsões. Déficits neurológicos focais semelhantes aos causados por acidente vascular cerebral agudo podem ocorrer. Sintomas associados podem incluir tremores, taquicardia, diaforese, assim como hipotermia em alguns pacientes.


DIAGNOSTICO DIFERENCIAL

Em pacientes com confusão, estupor ou coma, considerar a possibilidade de overdose por drogas hipnótico-sedativas, agentes anticolinérgicos, opióides ou etanol. Tremores, taquicardia e sudorese podem estar associados com drogas estimulantes tais como cocaína ou anfetaminas.

Convulsões podem ser causadas por uma grande variedade de drogas ou venenos.


INVESTIGAÇÕES RELEVANTES

  • Controles de glicemia podem ser obtidos em 1 a 2 minutos usando o sangue capilar colhido dos dedos e um analisador portátil movido à bateria ou, testes de fita. Idealmente, o sangue deve ser colhido para análises de laboratório antes da administração de glicose exógena, entretanto, não deve retardar desnecessariamente sua administração.
  • Eletrólitos do Soro
  • Testes de função hepática.

Avaliações de concentrações no soro de sulf...

Clique aqui para ler este artigo em Saude em Movimento

Termos e Condições | Política de Privacidade
Fonte do texto: Saúde em Movimento
Banco de dados de médicos e clínicas: Doctoralia
Obs.: Se seu nome aparece no nosso cadastro e deseja que o tiremos, favor entrar em contato com support@nsphere.net