Tratamento de Hiponatremia Toledo, Paraná

Encontre tratamento de hiponatremia em Toledo. Conheça os profissionais especializados desta área em sua região, aproveite e leia nossos artigos com tutoriais, dicas e informações relevantes sobre este assunto.

Affonso Coelho
(41) 3222-4896
Av Marechal Floriano Peixoto 228 - Cj 604
Curitiba, Paraná
Especialidade
Patologia Clínica/Medicina Laboratorial

Dados Divulgados por
Joao Bosco da Rocha Strozzi
(41) 3212-3213
Av Pres Kennedy 4121 - Shopping Palladium
Curitiba, Paraná
Especialidade
Medicina Preventiva e Social

Dados Divulgados por
Alair Alfredo Berbert
(43) 3334-0606
Rua Amador Bueno 268
Londrina, Paraná
Especialidade
Patologia

Dados Divulgados por
Carlos Augusto Villegas Chirinos
(41) 3335-1216
Rua Jacarezinho 394 (Ao lado da Torre da Oi)
Curitiba, Paraná
Especialidade
Medicina Estetica

Dados Divulgados por
Paulo Renato Calliari
(41) 3224-3346
R. Lourenço Pinto 196 - Cj 802
Curitiba, Paraná
Especialidade
Medicina de Tráfego

Dados Divulgados por
Marco Cesar Palumbo Maggi
(44) 3622-4200
Rua Min. Oliveira Salazar 4253
Umuarama, Paraná
Especialidade
Patologia Clínica/Medicina Laboratorial

Dados Divulgados por
Iara Rute Correa Duarte
(45) 9933-0288
Rua das Palmas 188 - Jardim das Flores
Curitiba, Paraná
Especialidade
Medicina de Família e Comunidade

Dados Divulgados por
Jose Almeida Fonseca
232-1533
R Major Otavioovaes 112
Castro, Paraná
Especialidade
Patologia Clínica/Medicina Laboratorial

Dados Divulgados por
Champagnat Clin. e Lab.
(41) 3335-5252
Rua Des. Isaias Bevilaqua 512
Curitiba, Paraná
Especialidade
Genética Médica

Dados Divulgados por
Claudio Tacashi Takada
(41) 9157-2909
Av: João Gualberto 1988
Curitiba, Paraná
Especialidade
Medicina do Trabalho

Dados Divulgados por
Dados Divulgados por

Tratamento de Hiponatremia

Fornecido por: 

Hiponatremia

DEFINIÇÃO

Concentração sérica de Sódio menor que 135 mmol/L (mEq/L).


CAUSAS TÓXICAS

Secundária à ingestão excessiva de água

  • Fluidos orais excessivos
  • Fluidos endovenosos hipotônicos

Secundária à perda de Sódio excessiva

  • Diuréticos
  • Síndrome de secreção Inapropriada de Hormônio Antidiurético (SIADH) desencadeada por drogas

    Amitriptilina e outros antidepressivos tricíclicos
    Carbamazepina
    Clorpropamida e Tolbutamida
    Clofibrate
    Ciclofosfamida e Vincristina
    Fluoxetina
    Inibidores da monoamino oxidase
    Antiinflamatórios não-esteróides
    Oxitocina
    Fenotiazínicos
    Somatostatina
    Tiotixene


CAUSAS NÃO-TÓXICAS

  • Insuficiência cardíaca congestiva
  • Diarréia
  • Hipotireoidismo
  • Doença hepática
  • Deficiência de mineralocorticóide (Doença de Addison)
  • Nefropatia
  • Polidipsia psicogênica
  • Hiponatremia pós operatória
  • Rehidratação com fluidos hipotônicos
  • SIADH por causas não-tóxicas:

    AIDS
    Carcinomas
    Alterações de SNC
    Dor ou stress pós operatório
    Infecções e lesões pulmonares
    Vômitos


MANIFESTAÇÕES CLÍNICAS

Pacientes com hiponatremia podem ser letárgicos ou confusos. Convulsões e coma podem ocorrer com concentrações séricas de Sódio muito baixas (menor que 110 a 120 mmol/L), especialmente quando a concentração cai rapidamente. A hiponatremia que se desenvolve mais lentamente pode ser melhor tolerada.


DIAGNÓSTICO DIFERENCIAL

Pseudohiponatremia pode ser produzida pela tranferência de água do espaço  extracelular para o espaço intracelular, que pode resultar de hiperlipidemia ou hiperglicemia.


INVESTIGAÇÕES RELEVANTES

  • Sódio sérico
  • Potássio, cloro e bicarbonato séricos
  • Testes de função renal (uréia, creatinina)
  • Glicemia (para excluir hiperglicemia como causa de pseudohiponatremia)
  • Provas de função hepática
  • Cálcio e Magnésio séricos
  • Sódio urinário
  • Osmolaridade urinária (Os testes mais úteis para determinar a causa da hiponatremia são Sódio urinário e osmolaridade urinária. SIADH está  associada com osmolaridade urinária elevada. Altas concentrações de Sódio urinário sugerem perda renal de sais, que pode ser decorrente do uso de diuréticos ou nefropatia. Baixas concentrações de Sódio urinário e baixa osmolaridade urinária sugerem ingesta excessiva de água livre)
  • Osmolaridade sérica,albumina, triglicérides (para excluir pseudohiponatremia)


TRATAMENTO

O tratamento deve ser instituído com cautela, porque a correção rápida e excessiva da hiponatremia pode causar lesão cerebral. O objetivo do tratamento deve ser aumentar o Sódio sérico em uma velocidade menor que 1 mmol/L/hora ou 25 mmol/L/dia. Em pacientes assintomáticos, 0.5 mmol/L/hora seria adequado. Obter medidas freq...

Clique aqui para ler este artigo em Saude em Movimento

Termos e Condições | Política de Privacidade
Fonte do texto: Saúde em Movimento
Banco de dados de médicos e clínicas: Doctoralia
Obs.: Se seu nome aparece no nosso cadastro e deseja que o tiremos, favor entrar em contato com support@nsphere.net